quinta-feira, 24 de novembro de 2011

O sol da meia noite




É estranho e difícil
Me dizer que está tudo bem?
Se há alguma coisa,
Então venha entender
O quanto só você
Pode dar um simples passo de cada vez
O Sol da meia-noite
Aqui existe você,
Pense, pare e veja que o amor resiste
Olhe, prova, sente, toca
É Deus que te faz entender toda poesia
E torna mais valiosa a vida
E prova que ainda dá pra ser feliz
Apenas atenda quem chama
E perceba
Que só ele pode compreender o seu interior
E a suas dores afastar, o seu sonho realizar, a sua vida transformar
Basta que você entenda
Que é Deus que te faz entender toda poesia
E torna mais valiosa a vida
E prova que ainda dá pra ser feliz
Apenas atenda quem chama
E peça que nessa noite Ele te toque e cure toda suas feridas
E vele o sono e espere acordar
Amanhã será um novo dia
Amanhã (Amanhã)...
Amanhã (Amanhã)! A domani, À demain, Amanhã, Mañana, Morgen, Tomorrow!
Que é Deus que te faz entender toda poesia
E torna mais valiosa a vida
E prova que ainda dá pra ser feliz
Apenas atenda quem chama
E peça que nessa noite Ele te toque e cure toda suas feridas
E vele o sono e espere acordar
Amanhã será um novo dia

[Rosa de Saron]
P.S: Essa música é perfeita.

Para quem não sabe "o sol da meia-noite é um fenômeno que ocorre nas latitudes acima de 66º 33’ 39" N ou S, ou seja, para além do círculo polar ártico ou do círculo polar antártico, quando o Sol não se põe durante pelo menos 95 horas seguidas. Em latitudes superiores a 80 graus, o Sol não se põe por mais de setenta dias durante o verão, ou seja, não há noites durante mais de dois meses."


quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Mulheres Inteligentes







Hoje vou apenas compartilhar com vocês alguns trechinhos do livro  Mulheres inteligentes, relacionamentos saudáveis, de Augusto Cury.

"Mulheres inteligentes não desistem, se reconstroem; não desanimam, se encorajam; não se inferiorizam, resgatam sua autoestima.
Para algumas mulheres, as lágrimas são apenas gotas expulsas de olhos intimidados, para outras mais nobres, são pérolas que se apresentam no palco do rosto e desenham um novo traçado em sua história."

"Encontro-me nas coisas simples e anônimas!".

"Brigar, gritar, impor idéias, nem de longe significa ter um Eu forte, mas, sim, frágil. Falar o que vem à mente, dizer sempre a verdade, nem sempre é a expressão de um Eu maduro, mas, sim, de quem não tem autocontrole".

" Porque o ser humano é mentalmente tão evoluído e, ao mesmo tempo, tão complicado que, quando ele não tem problema, ele os cria".

"Nos focos de tensão a melhor resposta é não dar resposta. A melhor resposta é não reagir pelo fenômeno bateu-levou, mas fazer a oração dos sábios, o silêncio proativo. Não o silêncio tímido e serviçal, mas aquele em que calamos por fora e gritamos por dentro".

" A maior vingança contra quem nos machuca é SER FELIZ"

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

VIRE A PÁGINA



Lembro-me do meu primeiro caderno, de como era feio. Descobri que era pobre quando fui à escola e vi que minha caixa de lápis de cor tinha 12 lápis e a do meu amiguinho do lado tinha 36. Lembro-me que o único luxo que meu pai me deu, foi uma merendeira com formato de elefante.     
Meu primeiro dia de aula foi terrível, eu tremia como 'vara verde' e a dona Rosângela, minha primeira professora que era a melhor da época, cuidou de mim. Naquele momento, diante de toda a situação, eu sentei, dobrei minhas pernas e fiz xixi nas calças. A professora ao perceber, disse que eu teria que ir para casa. No segundo dia aconteceu a mesma coisa, e assim também no terceiro. Eu até já ficava feliz porque sabia que teria que voltar para casa.   
Mas, neste terceiro dia fui surpreendido. Ao fazer o xixi nas calças a professora disse que eu não iria para casa, pois minha mãe tinha dado uma cueca reserva caso acontecesse de novo. 
O momento da escola para mim era terrível, e eu queria fugir do sofrimento, não queria enfrentá-lo. Na escola eu tinha pavor de matemática por que eu  a encarava como maior que eu. Quando tinha medo de alguma coisa, eu não a enfrentava. E quanto mais não enfrentava, mais medo tinha daquilo.          
Se existe alguma coisa que lhe mete medo, respeita, mas não deixe que o medo se torne determinante, por que senão você será eternamente prisioneiro deste medo. Muitas vezes o nosso sofrimento é duplicado dentro de nós por que nos entregamos à experiência do medo, e não devemos ter medo, devemos enfrentá-lo. Se diante do sofrimento eu não o enfrentar, ficarei agarrado à saia da mãe eternamente.
Seja honesto com os medos que você sente. Seja honesto com aquilo que merece a sua atenção. Você pode estar perdendo tempo na vida por que está dando atenção àquilo que não merece. A nossa vida às vezes está uma bagunça danada por que não a pontuamos direito, e acaba sendo como um texto mal pontuado que não pode ser bem compreendido. A nossa vida deve ser bem pontuada.  
Uma "exclamação" no nosso rosto faz falta. Quantas brigas surgem por pessoas que não conseguem pôr uma exclamação na cara? Nós temos o direito de ter nossos momentos de baixa, mas não podemos nos deixar dominar por estes momentos, devemos nos colocar cheios de esperança mesmo diante dos sofrimentos que estão diante de nós! Muitos sofrimentos da nossa vida teriam sido evitados, solucionados, se a gente tivesse perguntado antes, se tivéssemos conversado antes com as pessoas que estão à nossa volta.         
O sofrimento muitas vezes só vai embora no momento em que chegam pessoas em nossas vidas. Às vezes o que falta nos relacionamentos é a capacidade de perceber o outro. Nossa capacidade de perceber o outro está tão prejudicada por vivermos na pressa, que não percebemos as pessoas. Nós vivemos na pressa e nossa vida vai ficando vazia.
Quanto sofrimento se estende em nossas vidas porque não sabemos pôr um ponto final nas coisas? Temos que ter a coragem de pôr este ponto final em muitas coisas em nossas vidas. Por exemplo: nos vícios. Conheci um rapaz que com 38 anos estava morrendo de câncer por que não soube pôr um ponto final em seu vicio. Deixou seus filhos e esposa, pois fumou desde os 12 anos.
Se eu matar a minha saúde, se me matar antes do tempo não for pecado, então eu não sei mais o que é pecado. O interesse das indústrias é que tenham cada vez mais viciados, pois um viciado não tem controle. O sofrimento humano está sendo gerado a partir do momento em que os vícios crescem, você tem que ter coragem de jogar fora estas pequenas doses de morte que você coloca em sua própria vida.
Padre Léo uma vez me dizia: “Meu filho, eu nunca pedi a Deus que me curasse do meu câncer, por que seria muito injusto eu plantar limão e querer colher outra coisa. Eu fumei a vida inteira. Então, eu peço a Ele que me ensine a morrer do jeito certo”. Se eu não faço minha parte, eu me pergunto: será que é honesto eu pedir que Deus faça a parte Dele, se eu não faço a minha? Ele já fez a parte Dele nos dando a vida, precisamos fazer a nossa parte!           
Há enfermidades que não buscamos, mas há tantas outras que a gente costura, que a gente busca. Como terei saúde boa se não tiver uma boa alimentação? Como é que terei saúde espiritual se eu não busco coisas boas? Um dia eu aprendi muitas lições na escola, mas hoje vejo que tudo aquilo que aprendi também é Evangelho. Deus pode, e eu tenho que poder com Ele, tome uma atitude a partir de hoje.
Deus é dinâmico e precisamos ser também. Olha quanta coisa perdemos na nossa vida por que somos lerdos. Se nós entrarmos no dinamismo da graça, ninguém nos segura! Vá à mesma velocidade que Deus está! Ele não perde tempo, Ele ama a toda hora. Se você tem que perdoar, perdoe hoje! Tenha pressa de ser feliz, pois não sabemos quanto tempo nos resta. Tenha pressa de se reconciliar com as pessoas que você ama, tenha pressa em fazer uma atividade física, tenha pressa em amar, tenha pressa em querer a vida, pois não sabemos quanto tempo ainda temos.
Onde será o ponto final, a vírgula, o ponto de interrogação ou de exclamação que você deve colocar em sua vida? Talvez você precise "virar a página"! Deixe que Deus fale ao seu coração, para que você saiba o que realmente deve fazer em sua vida.
Pe. Fábio de Melo 

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Quando o sofrimento bater à sua porta



O Evangelho escolhido foi o da Ressurreição de Lázaro, um grande amigo de Jesus. Estar em Betânia com os amigos era uma forma de Jesus curar e restaurar suas forças. Jesus sofreu muito, porque amou muito. Quanto mais estivermos ligados às pessoas, mais sofreremos; mas não construa cercas. Tenha essa sensibilidade diante do sofrimento. Era isso que Jesus ia buscar em Betânia: consolo em amigos verdadeiros.
Quando Ele chegou em Betânia, já fazia 4 dias que Lázaro estava morto. Não podiam fazer mais nada, mas para Jesus não havia tempo a perder e Ele foi ter com o morto. Jesus era muito humano. Quando Ele chegou, tampou o nariz; pois a situação estava 'podre'. Porém, movido pelo amor àquele homem, Ele disse: 'Venha Lázaro'. 
Na verdade, Jesus queria nos mostrar que a morte não foi feita para nós. Um dia, todos nós iremos morrer, isso é fato, mas Jesus está falando de outra morte e quer nos propor a ressurreição. Se olharmos somente para a pedra posta no sepulcro, não haverá nenhuma esperança e nos desesperaremos, porque a pedra é imóvel. Se ficarmos olhando para a pedra, ficaremos fixados ali, no mesmo lugar, e não é isso que Jesus quer. "Lázaro, venha para fora". Quantas vezes experimentamos estar no sepulcro, que é um lugar escuro e cheira mal? Mas, se deixarmos essa pessoa ficar lá muito tempo, não a encontraremos do mesmo jeito, pois ela entrou em processo de decomposição. É um lugar de silêncio e não há mais nada, terminou. Agora, se olhamos a morte como um lugar de transição, daí sim, ele fica cheio e revestido de esperança. Quantas vezes você já morreu?     
Estamos ressuscitando todos os dias. A cigarra fica um ano debaixo da terra para cantar somente um dia. Um ano se preparando para cantar até se arrebentar. O sofrimento é isso, um tempo de preparo. Louvado seja Deus pelos sofrimentos!
Todos os artistas compõem maravilhosas obras quando estão sofrendo, e, toda as vezes que tocamos em nossos limites, vamos além. Compomos músicas, pinturas, criamos vida e caráter. Você pode estar se perguntando: "Mas eu não sou artista, e aí?" Você pode desenhar a sua alma, pode esculpir o seu caráter.
A cigarra não fica debaixo da terra por motivo de masoquismo. Não. É um tempo de preparo existencial da natureza. Quando você perceber que o seu sofrimento está infértil, é o tempo de parar de sofrer. Quando começamos a derramar as lágrimas, passamos por um processo de cura que está nos lavando e purificando.
Quanto tempo pode durar um velório dentro de nós? O sepultamento do corpo tem que iniciar um processo de amizade com a vida. O sofrimento é criado dentro de nós; o velório não é uma situação de morte. O que fazemos com o ruim que aconteceu conosco? Não importa o que a vida fez com você, mas o que você faz com o que a vida fez com você. Não temos como evitar o desprezo do outro, vão acontecer coisas das quais não vamos gostar, mas somos nós que vamos ver quanto custa esse sofrimento.
Boa parte dos sofrimentos do ser humano está naquilo que nós pensamos e permitimos em nosso pensamento. Se racionalizarmos a nossa emoção, nós não sofreremos.
Neutralizar o pensamento do sofrimento é lançar um pensamento bom em cima de um ruim. Quantas pessoas sofrem por não ter a capacidade de filtrar as coisas ruins que escutam?. Não temos o direito de ser mesquinhos por querer ser o que o outro é. Não tenha inveja, floresça onde Deus o plantou.
Há pessoas invejosas, que querem ser o que você é. Que não são capazes de olhar quem elas, realmente, são. Pare de olhar para a vida do outro, pois você não tem os valores que ela tem; mas você tem valores que ela não tem. Temos que ter nossa coerência e nosso modelo. Liberte-se dessas idéias pessimistas sobre você mesmo, você é capaz.
A ordem de Jesus: "Pare de ficar neste sepulcro e venha viver”. Estamos em horário do cristão: Está na hora de viver! Você não tem o direito de ficar no túmulo com seus problemas e lutos. O tempo previsto para o sofrimento tem data marcada para terminar, já passou, chega! Faça alguma coisa pela sua vida! Só sofra de verdade pelas coisas que valem a pena. É maravilhoso descobrir que, hoje, temos a oportunidade de escutar a voz de Jesus dizendo que não quer mais a morte para a nossa vida. Deus está segurando na nossa mão.
Se você está sofrendo muito, permita que Jesus cuide de você. Revolucione sua vida, pois quem fica parado é "poste". Melhore esta cara e faça o que puder fazer, pois assim beneficiará as pessoas ao seu lado. O cuidado de Deus é lindo: "Saia deste sepulcro!" Não perca seu tempo em bobagens que tornam o sofrimento enorme em sua vida.
O 'cuidar' é sempre expressão de alguém que ama. Ninguém gosta de ver a pessoa amada sofrendo. Precisamos acordar para a vida.
O nosso objetivo é ser feliz! Não há problema que resista a uma pessoa transformada por Deus! Nem a um ser humano com vontade de resolver os problemas. Não há nada maior do que uma pessoa de coragem.  
Quando o sofrimento bater à sua porta, abra a janela para que você veja a dor do outro.
 
 
Pe. Fábio de Melo 

domingo, 23 de outubro de 2011

O impostor que vive em mim


 A vida em torno do falso eu gera o desejo compulsivo de apresentar ao público uma imagem perfeita, de modo que todos nos admirem e ninguém nos conheça.
A vida dedicada à sombra é uma vida de pecado. Pequei em minha recusa covarde — por temer ser rejeitado — de pensar, de sentir, de agir, de responder e de viver a partir do meu eu autêntico. Recusamos ser nosso verdadeiro eu até mesmo com Deus — e depois nos perguntamos por que nos falta intimidade com ele.
O ódio pelo impostor é na verdade o ódio de si mesmo. O impostor e eu constituímos uma só pessoa. O desprezo pelo falso eu dá vazão à hostilidade, o que se manifesta como irritabilidade geral — irritação pelas mesmas faltas nos outros que odiamos em nós mesmos. O ódio próprio sempre redunda em alguma forma de comportamento autodestrutivo.
Aceitar a realidade da nossa pecaminosidade significa aceitar o nosso eu autêntico. Judas não conseguiu encarar sua sombra; Pedro conseguiu. Este fez as pazes com o impostor interior; aquele se levantou contra ele. Quando aceitamos a verdade do que realmente somos e a rendemos a Jesus Cristo, somos envoltos em paz, quer nos sintamos em paz, quer não. Quero dizer com isso que a paz que ultrapassa o entendimento não é uma sensação subjetiva de paz; se estamos em Cristo, estamos em paz, mesmo quando não sentimos nenhuma paz.
Jesus revela os verdadeiros sentimentos de Deus em relação a nós. Ao virarmos as páginas dos evangelhos, descobrimos que as pessoas que Jesus lá encontra são você e eu. O entendimento e a compaixão que ele oferece a elas, ele também estende a você e a mim.
Quanto maior o tempo na presença de Jesus, mais você ficará acostumado com sua face e de menos adulação necessitará, porque terá descoberto por si mesmo que ele é suficiente. E, nessa Presença, você se encantará com a descoberta do que significa viver pela graça e não pelo desempenho.
 
 
Brennan Manning

Ser feliz!

Ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções.
Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos.
Ser feliz não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si e ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz, é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “não”.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
É beijar os filhos, curtir os pais!
É ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples que mora dentro de cada um de nós.
É ter maturidade para falar: “Eu errei”.
É ter ousadia para dizer: “Me perdoe!”
É ter sensibilidade para expressar: “Eu preciso de você”.
É ter capacidade de dizer “Eu te amo”.E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo.
Pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida.
E descobrirá que... Ser feliz não é ter uma vida perfeita.
Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.
Usar as perdas para refinar a paciência.
Usar as falhas para esculpir a serenidade.
Usar a dor para lapidar o prazer.
Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Augusto Cury

SOBRE O AMOR, ROSAS E ESPINHOS...

 
Amor que é amor dura a vida inteira. Se não durou é porque nunca foi amor.
O amor resiste à distância, ao silêncio das separações e até às traições. Sem perdão não há amor. Diga-me quem você mais perdoou na vida, e eu então saberei dizer quem você mais amou.
O amor é equação onde prevalece a multiplicação do perdão. Você o percebe no momento em que o outro fez tudo errado, e mesmo assim você olha nos olhos dele e diz: "Mesmo fazendo tudo errado eu não sei viver sem você. Eu não posso ser nem a metade do que sou se você não estiver por perto."
O amor nos possibilita enxergar lugares do nosso coração que sozinhos jamais poderíamos enxergar.
O poeta soube traduzir bem quando disse: "Se eu não te amasse tanto assim, talvez perdesse os sonhos dentro de mim e vivesse na escuridão. Se eu não te amasse tanto assim talvez não visse flores por onde eu vi, dentro do meu coração!"
Bonito isso. Enxergar sonhos que antes eu não saberia ver sozinho. Enxergar só porque o outro me emprestou os olhos , socorreu-me em minha cegueira. Eu possuia e não sabia. O outro me apontou, me deu a chave, me entregou a senha.
Coisas que Jesus fazia o tempo todo. Apontava jardins secretos em aparentes desertos.
Na aridez do coração de Madalena, Jesus encontrou orquídeas preciosas. Fez vê-las e chamou a atenção para a necessidade de cultivá-las.
Fico pensando que evangelizar talvez seja isso: descobrir jardins em lugares que consideramos impróprios.
Os jardineiros sabem disso. Amam as flores e por isso cuidam de cada detalhe, porque sabem que não há amor fora da experiência do cuidado. A cada dia, o jardineiro perdoa as suas roseiras. Sabe identificar que a ausência de flores não significa a morte absoluta, mas o repouso do preparo. Quem não souber viver o silêncio da preparação não terá o que florir depois...
Precisamos aprender isso. Olhar para aquele que nos magoou, e descobrir que as roseiras não dão flores fora do tempo, nem tampouco fora do cultivo.
Se não há flores, talvez seja porque ainda não tenha chegado a hora de florir. Cada roseira tem seu estatuto, suas regras...
Se não há flores, talvez seja porque até então ninguém tenha dado a atenção necessária para o cultivo daquela roseira.
A vida requer cuidado. Os amores também. Flores e espinhos são belezas que se dão juntas. Não queira uma só. Elas não sabem viver sozinhas...
Quem quiser levar a rosa para sua vida, terá que saber que com ela vão inúmeros espinhos.
Mas não se preocupe. A beleza da rosa vale o incômodo dos espinhos... ou não.

Pe. Fábio de Melo

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Das Vantagens de Ser Bobo




     O bobo, por não se ocupar com ambições, tem tempo para ver, ouvir e tocar o mundo. O bobo é capaz de ficar sentado quase sem se mexer por duas horas. Se perguntado por que não faz alguma coisa, responde: "Estou fazendo. Estou pensando."
     Ser bobo às vezes oferece um mundo de saída porque os espertos só se lembram de sair por meio da esperteza, e o bobo tem originalidade, espontaneamente lhe vem a idéia.
     O bobo tem oportunidade de ver coisas que os espertos não vêem. Os espertos estão sempre tão atentos às espertezas alheias que se descontraem diante dos bobos, e estes os vêem como simples pessoas humanas. O bobo ganha utilidade e sabedoria para viver. O bobo nunca parece ter tido vez. No entanto, muitas vezes, o bobo é um Dostoievski.
     Há desvantagem, obviamente. Uma boba, por exemplo, confiou na palavra de um desconhecido para a compra de um ar refrigerado de segunda mão: ele disse que o aparelho era novo, praticamente sem uso porque se mudara para a Gávea onde é fresco. Vai a boba e compra o aparelho sem vê-lo sequer. Resultado: não funciona. Chamado um técnico, a opinião deste era de que o aparelho estava tão estragado que o conserto seria caríssimo: mais valia comprar outro. Mas, em contrapartida, a vantagem de ser bobo é ter boa-fé, não desconfiar, e portanto estar tranqüilo. Enquanto o esperto não dorme à noite com medo de ser ludibriado. O esperto vence com úlcera no estômago. O bobo não percebe que venceu.
     Aviso: não confundir bobos com burros. Desvantagem: pode receber uma punhalada de quem menos espera. É uma das tristezas que o bobo não prevê. César terminou dizendo a célebre frase: "Até tu, Brutus?"
     Bobo não reclama. Em compensação, como exclama!
     Os bobos, com todas as suas palhaçadas, devem estar todos no céu. Se Cristo tivesse sido esperto não teria morrido na cruz.
     O bobo é sempre tão simpático que há espertos que se fazem passar por bobos. Ser bobo é uma criatividade e, como toda criação, é difícil. Por isso é que os espertos não conseguem passar por bobos. Os espertos ganham dos outros. Em compensação os bobos ganham a vida. Bem-aventurados os bobos porque sabem sem que ninguém desconfie. Aliás não se importam que saibam que eles sabem.
    Clarice Lispector

domingo, 5 de junho de 2011

Sabe aquela dor? Deus cura.


 Você já sentiu uma dor que vem não sei de onde, doi não sei por que e insisti em ficar? É bem provável que sim, acredito que ninguém está livre desse sentimento.
E quando esse sentimento surge? Quando nos deparamos com a solidão, decepção, angústia, incapacidade. Quando menos se espera lá vem ela, a dorzinha que maltrata. É uma dor diferente das outras, pois essa você não sabe explicar, ela vem e não há remédio que a cure, que a mande embora.
Porém, existe uma solução...DEUS. Ele é o único que supre todas as nossas necessidades e carências.
Muitas são as vezes que sofremos por apostar todas as fichas nas pessoas, as imaginamos como pensamos que são e quando percebemos que elas não são tão perfeitas assim é que vem a decepção. 
Não se engane, nem seja tolo(a) pensando que achará nas pessoas a perfeição e o amor que só vem do coração de Deus. Pois, além de não achar se frustará por perceber que sua busca foi em vão.
 A única pessoa que não irá te decepcionar é Deus, então se entregue a Ele, se abandone no seu amor e verás que nenhuma pessoa por melhor que seja irá conseguir te preencher completamente, porque há vazios em nossos corações que só Deus para conseguir chegar até eles, pois são lugares tão escuros que nem mesmo nos permitimos toca-los, porém Deus com toda sua misericórdia nos sonda, nos toca e nos cura.
Então, está esperando o que? Se abandone nos braços de Deus, receba seu amor e sua graça e seja feliz. 


Aninha Tolentino


sábado, 28 de maio de 2011

Deus cuida de mim

  

Salmo 23

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará.
Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranqüilas.
Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome.
Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.
Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.
Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do SENHOR por longos dias.



Meu amado como é maravilhoso poder sentir teu amor, saber que estais sempre comigo renova todas as minhas forças. A quem temerei se tu és por mim? Quem pode mais que Deus? Ninguém.
Meu desejo é ir além das minhas limitações, além dos meus medos, das minhas inseguranças e fazer a
Tua vontade e o Teu querer.
Cada vez mais preciso te sentir Senhor, pois sou totalmente dependente do Teu amor.

terça-feira, 29 de março de 2011

Seja tudo em mim

Meu Deus...
Que eu possa resplandecer tua face aos que me rodeiam, que eu possa ter humildade para ir onde tu me mandar e obediência para cumprir o que me ordenaste.
Que eu aprenda a sonhar os Teus sonhos e não mais os meus, porque o que Tens reservado pra mim, é tão maravilhoso que eu nunca se quer conseguirei imaginar.
Ow meu Paizinho amado, que eu aprenda a nunca desanimar, mas sempre descansar no teus braços.
O que fazer mais se não te agradecer? Como não reconhecer que és tudo em mim, que És aquele que está comigo quando me deito e levanto, quando riu e choro, quando tudo me diz que não é tua voz que escuto dizendo: Sim minha filhinha muito amada, você vai vencer, te fiz pra ser feliz. Espera só mais um pouco e verás o quão grande será o que vou fazer em teu viver.
Esse é o Deus que sirvo, que me corrige quando preciso, mas que me ama incondicionalmente. Que prometeu estar comigo sempre e assim será, porque Ele não é homem nem filho do homem para que minta. Mas, é o meu DEUS e salvador.
Te amo Deus.

segunda-feira, 28 de março de 2011

Muito mais que irmãs...



Falar da minha florzinha é muito fácil e também muito complexo, porque as palavras são muito limitadas para que eu possa descrever o que ela representa pra mim. Mas, vou tentar...
Amanda, nome de origem do latim e que significa Digna de ser amada. O significado já diz tudo né? E você é muito muito muito amada e amável, carinhosa, meiga, amiga, sincera, confiável, carismática. Você é simplesmente quase eu, tanto em físico como em personalidade hehehe. Tão interessante como duas pessoas possam se parecer tanto, já perdi a conta de quantas vezes eu me deparei olhando pra você e me vendo em cada gesto seu.
Lembro quando mainha descobriu que estava grávida, meu Deus como eu fiquei feliz. Quando você nasceu eu queria viver contigo nos braços, fazia você de minha boneca, a mais linda e amada que eu poderia ter. Você foi crescendo e passou a me chamar de mainha kkkkkk no começo eu amei, me sentia o máximo, pois te tinha e tenho como minha filhinha, mas você me chamava de mainha na rua e todos olhavam, quase morria de vergonha quando todos olhavam imaginando que realmente fosse sua mãe, imagina...eu só tinha 12 anos kkkkkkk. Com o tempo fui tirando isso, mas sabia que era pra ter deixado? você dizia que tinha duas mainhas hehehe, sinto tanta saudades desse tempo.
O tempo foi passando e hoje você se tornou uma mocinha linda, essa doçura de pessoa. E o tempo vai passar mais e eu quero estar ao seu lado sempre e brindar contigo todas as suas vitórias e conquistas, quero estar ao seu lado quando você se formar, se casar, ter seus filhos e também quero estar ao seu lado quando o mundo parecer que está desabando sobre sua cabeça. Quero estar ao seu lado até o último dia de minha existência, pois você é uma parte essencial em minha vida.
E para resumir EU TE AMO DAQUI ATÉ A ETERNIDADE MINHA IRMÃ LINDA.

terça-feira, 8 de março de 2011

Fisioterapeutas são anjos



Fisioterapeutas são anjos que nos ajudam.
Nos ajudam a entender que, apesar da queda, sempre nos ajudarão a levantar.
Nos ajudam a redescobrir os valores da vida, quando tudo parece estar perdido.
A ter paciência diante de dos obstáculos.
A resgatar o amor próprio e a força de vontade.
A reconhecer que o corpo humano é algo espetacular.
Nos ajudam a perceber que a dor se torna frágil diante de suas mãos e a acreditar
que as cicatrizes são marcas de grandes vitória.
A fortalecer, repotencializar e reeducar não só o nosso corpo, mas também a alma!
A resolver deficiências.
A acreditar que Deus existe!
A relaxar mesmo depois de um dia muito difícil. A encher os pulmões de esperança!
A drenar e espirar o sofrimento.
A viver o presente, sem temer o futuro. A alcançar a independência.
A prevenir a doença, tratar o corpo e recuperar a auto-estima.
A utilizar os elementos da natureza a nosso favor.
A acreditar que o mais simples toque de suas mãos faz toda a diferença.

Autora: Fernanda Póvoa

Deus nos torna grandes


Acontecem algumas circunstâncias na vida que nos fazem sentirmos pequenos. Isso pode acontecer por diversos motivos, como por ex:  Não conseguir um emprego; Não ter condição de dar aquele presente ao seu filho(a) ou até mesmo as condições básicas que uma criança precisa; Não ter como resolver um problema...São tantos os motivos que nos fazem sentir pequenos. E tem gente que é expert em nos fazer sentir assim. Mas, olha só o que Deus nos diz:

"Mas tu, Belém,
da terra de Judá,
de forma alguma és a menor
entre as principais cidades de Judá:
pois de ti virá o líder
que, como pastor, conduzirá
Israel, o meu povo". (Mat 2, 6)

Então, será que temos motivos para nos acharmos pequenos? Em hipótese alguma, porque Deus nos faz grandes e Ele precisa de nós para levar a palavra Dele aos que não os conhece. Então, querido(a) irmão(a) não devemos dar ouvido as pessoas que nos fazem sentir assim, nem se importar com nada que por algum motivo não conseguirmos realizar, e sim darmos ouvido e procurar viver sempre de acordo a palavra de Deus, e partír disso tudo que nos for necessário não nos faltará, pois Deus diz: "Busquem, pois, em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhe serão acrescentadas".(Mat 6,33)


Fiquem todos na paz de nosso Senhor Jesus.

domingo, 6 de março de 2011

Carnaval: A festa da carne.


O carnaval mal começou e com certeza já morreu muita gente, muitas mulheres já engravidaram, se drogaram, possivelmente também podem ter contraído o vírus HIV. E mais na frente, daqui há alguns meses iremos ver as consequências disso tudo.

Hoje a pseudo felicidade, a passageira, aquela que não preenche!...futuramente muitos abortos que irão causar danos irreparáveis tanto no psiquico quanto no físico, isso se não causar a morte. Muitos infectados pelo HIV, que podem até passar para outras pessoas por nem saberem ainda que estão contaminados e isso só atrai dor, angústia, arrependimento, desespero. No entanto, são consequências dos atos e escolhas feitas.

Tem gente que pergunta Meu Deus por que está acontecendo isso comigo? Por que estou passando por isso? ou até mesmo, O que foi que fiz para merecer isso? A partir disso, começam a acusar e se revoltar com Deus. Mas, será que lembraram desse mesmo Deus quando estavam lá pulando, bebendo, se drogando e tendo relações sexuais? Possivelmente não, né?

É muito fácil chamar Deus no momento de dor e angústia.